Imprensa

Voltar

Notícias

28/ago/2007 às 09:01

FETRAF-SUL PARTICIPA DE MOBILIZAÇÕES PELA UNIVERSIDADE PÚBLICA FEDERAL

      Em Santa Catarina os municípios de Chapecó, Xanxerê e São Miguel do Oeste reuniram ao todo 8 mil pessoas que caminharam e participaram de atos públicos pela Universidade. No norte do Rio Grande do Sul aconteceram panfletagens, mobilizações e manifestações que reuniram em média mil pessoas, em cada ato, nos municípios de Palmeira das Missões, Espumoso, Sananduva, Três Passos, Ijuí, Sarandi, Passo Fundo, Soledade, Marau, Vacaria e Lagoa Vermelha. No sudoeste do Paraná, as cidades de Francisco Beltrão e Laranjeiras do Sul realizaram seus atos públicos no início da semana. “Queremos uma universidade pública e gratuita que busque a integração do ensino, através da pesquisa e da extensão com o foco voltado para a agricultura sustentável, economia solidária e outra áreas que identificadas com a região, construída na relação com a história do seu povo”, afirmou o Coordenador Geral da Fetraf-Sul, Altemir Tortelli, uma das entidades que fazem parte do movimento.

      A expectativa das entidades organizadoras é que o número ultrapasse 20 mil pessoas entre todas as manifestações. Além dos atos públicos, foi lançado oficialmente o site do Movimento (www.prouniversidade.com.br). Ainda na noite de sexta-feira acontecem audiências públicas nas cidades de Concórdia(SC) e Erechim(RS).

História - O Movimento Pró Universidade Pública e Popular representa um conjunto de movimentos sociais e instituições da sociedade civil organizada. O Movimento é resultado da união de vários comitês, organizados desde 2005, em várias regiões do Norte do Rio Grande do Sul, Oeste de Santa Catarina e Sudoeste do Paraná que isoladamente pleiteavam a constituição de uma Universidade Federal nas suas regiões. Após concluir que esse espaço territorial que possui características, sociais, econômicas e culturais, semelhantes, consolidou-se a idéia de que uma universidade publica poderia servir de instrumento para alavancar o desenvolvimento, com bases na justiça e na solidariedade, desta população.